Detalhe

Qual é o principal objetivo do Enade?

28/01/2021 | Por: Mix Vale | 706
Foto: Reprodução/Mix Vale

Qual é o principal objetivo do Enade? O Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) avalia o rendimento dos concluintes dos cursos de graduação em relação aos conteúdos programáticos previstos nas diretrizes curriculares dos cursos, o desenvolvimento de competências e habilidades necessárias ao aprofundamento da formação geral e profissional, e o nível de atualização dos estudantes com relação à realidade brasileira e mundial.

Aplicado pelo Inep desde 2004, o Enade integra o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), composto também pela Avaliação de cursos de graduação e pela Avaliação institucional. Juntos eles formam o tripé avaliativo que permite conhecer a qualidade dos cursos e instituições de educação superior brasileiras. Os resultados do Enade, aliados às respostas do Questionário do Estudante, são insumos para o cálculo dos Indicadores de Qualidade da Educação Superior.

A inscrição é obrigatória para estudantes ingressantes e concluintes habilitados de cursos de bacharelado e superiores de tecnologia vinculados às áreas de avaliação da edição. A situação de regularidade do estudante é registrada no histórico escolar.

O Ciclo Avaliativo do Enade determina as áreas de avaliação e os cursos a elas vinculados. As áreas de conhecimento para os cursos de bacharelado e licenciatura derivam da tabela de áreas do conhecimento divulgada pelo Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq). Já os eixos tecnológicos são baseados no Catálogo Nacional de Cursos Superiores de Tecnologia (CNCST), do Ministério da Educação.

Áreas de conhecimento e eixos tecnológicos
Ano1

  • Cursos de bacharelado nas áreas de conhecimento de Ciências Agrárias, Ciências da Saúde e áreas afins;
  • Cursos de bacharelado nas áreas de conhecimento de Engenharias e Arquitetura e Urbanismo;
  • Cursos Superiores de Tecnologia nas áreas de Ambiente e Saúde, Produção Alimentícia, Recursos Naturais, Militar e Segurança.

Ano 2

  • Cursos de bacharelado nas áreas de conhecimento de Ciências Biológicas;
  • Ciências Exatas e da Terra; Linguística, Letras e Artes e áreas afins;
  • Cursos de licenciatura nas áreas de conhecimento de Ciências da Saúde;
  • Ciências Humanas; Ciências Biológicas; Ciências Exatas e da Terra; Linguística, Letras e Artes;
  • Cursos de bacharelado nas áreas de conhecimento de Ciências Humanas e Ciências da Saúde, com cursos avaliados no âmbito das licenciaturas;
  • Cursos Superiores de Tecnologia nas áreas de Controle e Processos Industriais, Informação e Comunicação, Infraestrutura e Produção Industrial.

Ano 3

  • Cursos de bacharelado nas Áreas de Conhecimento Ciências Sociais Aplicadas e áreas afins;
  • Cursos de bacharelado nas Áreas de Conhecimento Ciências Humanas e áreas afins que não tenham cursos também avaliados no âmbito das licenciaturas;
  • Cursos Superiores de Tecnologia nas áreas de Gestão e Negócios, Apoio Escolar, Hospitalidade e Lazer, Produção Cultural e Design.

O que é o Enade e qual o seu objetivo?
O Exame Nacional de Desempenho dos Estudantes (Enade) é uma das avaliações que compõem o Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), criado pela Lei nº. 10.861, de 14 de abril de 2004. O objetivo do Enade é avaliar e acompanhar o processo de aprendizagem e o desempenho acadêmico dos estudantes em relação aos conteúdos programáticos previstos nas diretrizes curriculares do respectivo curso de graduação; suas habilidades para ajustamento às exigências decorrentes da evolução do conhecimento e competências para compreender temas exteriores ao âmbito específico da profissão escolhida, ligados à realidade brasileira e mundial e a outras áreas do conhecimento.

O Enade é obrigatório?
Conforme disposição do art. 5º, § 5º, da Lei nº. 10.861/2004, o Enade constitui-se componente curricular obrigatório, sendo inscrita no histórico escolar do estudante somente a situação regular com relação a essa obrigação. A situação de irregularidade do estudante junto ao Enade irá ocorrer quando o estudante:

  • não comparecer ao Exame, e não obter dispensa oficial conforme referência normativa;
  • não preencher o Questionário do Estudante;
  • tiver o registro de participação indevida na prova.

Qual o formato da prova do Enade?
A prova é composta de 40 questões, sendo 10 questões da parte de formação geral e 30 da parte de formação específica da área, ambas contendo questões discursivas e de múltipla escolha que são especificadas da seguinte forma:

  • Componente de Formação Geral, 10 (dez) questões, sendo 02 (duas) discursivas e 8 (oito) de múltipla escolha, envolvendo situações-problema e estudos de casos;
  • Componente específico de cada área de avaliação, 30 (trinta) questões, sendo 3 (três) discursivas e 27 (vinte e sete) de múltipla escolha, envolvendo situações-problema e estudos de casos.

A prova de Formação Geral tem a concepção dos seus itens balizada pelos princípios dos Direitos Humanos, e as questões discursivas avaliam aspectos como clareza, coerência, coesão, estratégias argumentativas, utilização de vocabulário adequado e correção gramatical do texto.


Conteúdo Relacionado

Notícias

Curso orienta representantes institucionais para o Enade

Capacitação apresenta aspectos conceituais e operacionais do exame, além de auxiliar os representantes no preenchimento e no acompanhamento do Sistema Enade

Enade 2021 será aplicado em 14 de novembro

Exame avaliará cursos vinculados ao ano II do ciclo avaliativo. Coordenadores dos cursos de graduação poderão inscrever os estudantes a partir de 19 de julho

Aberta seleção para consultor da educação superior

Especialistas em instrumentos de avaliação podem se candidatar até o dia 20 de junho. Selecionado realizará estudos para desenvolvimento de novos indicadores

Provas do Enade vão ser aplicadas este ano

Exame, que estava previsto para 2020, é referente ao ciclo avaliativo II. O cronograma ainda não foi divulgado, Confira os cursos que serão avaliados

MEC confirma que fará Enade em 2021, mas não estipula data

Avaliação de estudantes e cursos do ensino superior estava prevista para 6 de novembro de 2020, mas não foi realizada

Apenas 46 instituições de ensino superior conquistam nota máxima em índice do Inep

Jovem Pan: Em entrevista o diretor executivo da ABMES, Sólon Caldas, comenta sobre as notas do Enade

Resultados do IGC 2019 serão divulgados nesta sexta (23)

Inep apresentará os principais dados do Índice Geral de Cursos Avaliados da Instituição (IGC) 2019, em live, com transmissão pelo canal do Instituto no YouTube

Inscrição para elaboradores de itens vai até domingo (21)

Seleção é para professores interessados em elaborar e revisar itens da educação superior. Docente deverá indicar para quais áreas está se candidatando