Detalhe

Projeto Eight é vencedor da 24ª edição do Prêmio Top Educacional Professor Mário Palmério

18/06/2021 | Por: ABMES | 807

O fim de aulas enfadonhas e sem significado motivou a criação do Projeto Eight, da Fundação Universidade de Brasília - UnB (Gama-DF), vencedor da 24ª edição do Prêmio Top Educacional Professor Mário Palmério, promovido pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES). Os projetos “Projeto Plantando e Colhendo Saúde”, da Universidade José do Rosário Vellano (Alfenas-MG) e Projeto Consultoria Estratégia de Negócios – CEN” da Strong Business School (Santo André-SP) receberam menção honrosa. A cerimônia de premiação ocorrerá em 3 de agosto, durante evento comemorativo do aniversário de 39 anos da ABMES.

A 24ª edição do prêmio recebeu 120 projetos de instituições privadas e públicas, divididas entre 39 universidades, 44 centros universitários, 30 faculdades e 7 institutos. As propostas passaram pelo crivo da Comissão Julgadora presidida pela diretora executiva da AF2 Comunicação, a jornalista Ana Flávia Flôres. Também fazem parte do grupo Celso da Costa Frauches, diretor do Instituto Educacional Andragogia; Patrícia Vilas Boas, diretora técnica da Edux Consultoria; Ricardo Martins, consultor legislativo da Câmara dos Deputados; e Valdemar Ottani, consultor educacional da Âncora Planejamento Estratégico.

O diretor presidente da ABMES, Celso Niskier, lembra que a premiação já é considerada tradicional e referência no reconhecimento à inovação e à qualidade dos projetos desenvolvidos pelas instituições de educação superior (IES). “Esse ano, vários projetos foram destacados, principalmente aqueles que contribuíram com as atividades de aprimoramento metodológico e também de criatividade na oferta de projetos de extensão. Estamos muito satisfeitos de reconhecer esse bom trabalho que é feito pelas instituições educacionais”, avaliou.

Projeto Eight

Criado em 2018, o projeto “Eight: Aprendendo de forma criativa e passando adiante em oito minutos” envolve ações correlacionadas e interdependentes com objetivo de colocar o estudante como parceiro no planejamento de atividades, propondo ações criativas e dinâmicas. As metodologias são baseadas em aprendizagem ativas e colaborativas ao longo de cinco semestres – sendo o último, remoto – com estudantes de Engenharia e Enfermagem.

A iniciativa buscou ir na contramão do entendimento que o ensino tradicional resulta em encontros desmotivadores para os alunos e, em muitos casos, para os professores. A partir de atividades criativas e dinâmicas como talkshows, edição de vídeos com questões da comunidade, desafios gamificados, visitas técnicas e projetos de intervenção na instituição e na comunidade, o estudante cria uma apresentação de oito minutos com uma síntese do aprendizado correlacionado com a própria história de vida. A metodologia foi avaliada quanti e qualitativamente com resultados significativos.

Menções honrosas

O projeto "Plantando e Colhendo Saúde", da Universidade José do Rosário Vellano, de Alfenas (MG) recebeu menção honrosa nesta edição. A proposta envolve famílias rurais de 26 municípios do Sul do estado expostas a agrotóxicos. O intuito foi mapear casos, prevenir, diagnosticar e tratar as intoxicações além de propor alternativas para redução do uso dos agrotóxicos.

Também recebeu menção honrosa o projeto "Consultoria Estratégia de Negócios" da Strong Business School, de Santo André (SP). Partindo do conceito learning by doing (aprender fazendo), alunos do último ano do curso de Administração realizaram consultas empresariais aplicando os conhecimentos aprendidos ao longo do curso em situações reais.

Prêmio Top Educacional Professor Mário Palmério

Criado em 1992 e realizado a cada dois anos, o Prêmio Top Educacional Professor Mário Palmério busca identificar e divulgar ações inovadoras no campo da educação nas áreas de ensino, inovação científica/pesquisa, extensão, avaliação institucional, processo de gestão, inclusão social, sustentabilidade e ação criativa educacional relevante. Na edição anterior, em 2018, o projeto “Narizes de Plantão”, do Centro Universitário São Camilo/SP, foi o grande vencedor.

As IES participantes concorrem a um prêmio em dinheiro no valor bruto de R$ 15.000. Para participar foi preciso ter vínculo institucional com alguma IES, pública ou particular, associada ou não à ABMES. Além do prêmio em dinheiro, a Associação destina uma edição anual do ABMES Cadernos à publicação dos artigos assinados pelos coordenadores das propostas vencedoras. Por meio dessas publicações, as ações ganham visibilidade nas demais IES do Brasil e do exterior.


Conteúdo Relacionado

Notícias

Professor da UnB ganha prêmio de inovação em ensino

Projeto de aprendizagem é premiado no 24º Prêmio Top Educacional

"Meu objetivo era despertar paixão no estudante", diz professor premiado da UnB

Criada em 2018, metodologia Eight, do pesquisador Ricardo Fragelli, receberá prêmio nacional em agosto. Proposta conseguiu driblar falta de engajamento no ensino remoto

Professor de engenharia da UnB é premiado por desenvolver nova metodologia de ensino

Proposta consiste em sair das aulas convencionais e por em prática modelo mais participativo para estudantes. Produção de vídeos, visitas técnica e execução de talkshows fazem parte do projeto

ABMES anuncia comissão julgadora da 24ª edição do Prêmio Top Educacional Professor Mário Palmério

Além da premiação em dinheiro, a Associação destina uma edição anual do ABMES Cadernos à publicação dos artigos assinados pelos coordenadores das propostas vencedoras

24ª edição do Prêmio Top Educacional: alteração de calendário

Um novo cronograma será divulgado tão logo a situação esteja normalizada e os calendários de eventos possam ser reorganizados

Inscrições abertas para a 24ª edição do Prêmio Top Educacional

Para participar é preciso ter vínculo institucional com alguma IES, que pode ser pública ou particular, associada ou não à ABMES