Detalhe

Estado de Minas é vencedor do Prêmio ABMES de Jornalismo

06/08/2021 | Por: Estado de Minas | 251
Foto: Reprodução/ Estado de Minas

O Estado de Minas é o vencedor na categoria regional escrito do 4º Prêmio ABMES de Jornalismo, com a reportagem "Diplomas de 1,6 milhão de estudantes ameaçados". Promovido pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior, esse é um dos principais reconhecimentos no país aos profissionais dedicados à cobertura de educação. Foram 18 finalistas nas categorias nacional e regional das modalidades vídeo, áudio e escrito. Os vencedores foram conhecidos na noite desta sexta-feira, em cerimônia virtual, devido à impossibilidade de realização de eventos presenciais por causa da pandemia da COVID-19.

A reportagem do EM foi publicada em 21 de dezembro do ano passado. De autoria da repórter Junia Oliveira, a matéria mostra como depois de aumentar oportunidade para mais de 1,2 milhão de brasileiros entrarem na universidade nos últimos anos, o país corre o risco de regredir a patamar pior que o de uma década atrás, quando apenas um quarto da população em geral e 13% dos jovens entre 18 e 24 anos tinham acesso ao ensino superior. Isso porque a reforma tributária (Projeto de Lei 3.887/2020), em tramitação em Brasília, ameaça decretar o fim do maior programa educacional do país: o Universidade para Todos (Prouni), voltado para quem não tem condições de pagar os estudos nas instituições privadas de ensino superior.

A estimativa é de que, se aprovada a reforma nos moldes propostos, faculdades, universidades e centros universitários percam, de imediato, 322.282 alunos - 161.465 deles por causa de reajustes e outros 160.816 que abandonariam o sonho do diploma sem o benefício do Prouni. Nos próximos 10 anos, levantamento aponta que 1,3 milhão de brasileiros deixariam de ingressar na graduação em instituições privadas, totalizando 1,6 milhão de pessoas privadas de acesso ao diploma de ensino superior.

Aos desajustes do Prouni se soma um outro fator-chave para o ingresso no ensino superior: o Fundo de Financiamento Estudantil (Fies), fadado a fechar agora apenas 54 mil contratos, conforme normatização do Planalto. O Fies teve seu auge em 2014, quando alcançou 731 mil contratos. Em franco declínio, chegou ao patamar de 85 mil em 2019 e não passou da casa dos 80 mil, ano passado.

Ao todo, 329 reportagens concorreram ao Prêmio ABMES de Jornalismo, ocasião na qual se comemorou também os 39 anos da associação. O júri foi composto pelos integrantes da Academia Brasileira de Letras (ABL) Arnaldo Niskier, Marcos Vilaça e Merval Pereira.


Conteúdo Relacionado

Notícias

O GLOBO vence o Prêmio ABMES de Jornalismo com série de reportagens sobre ensino à distância

Bruno Alfano e Paula Ferreira foram os autores das reportagens, publicadas ainda em 2019, sobre a modalidade no ensino superior

Estado de Minas é finalista do Prêmio ABMES de Jornalismo

Reportagem do EM é uma das 18 selecionadas. Premiação é um dos principais reconhecimentos no país a profissionais que cobrem educação

4ª edição do Prêmio ABMES tem novo recorde de inscrição

São 329 reportagens de todos os tipos de mídia concorrendo para as categorias nacional e regional

4ª edição do Prêmio de Jornalismo é adiada para 2021

Alteração no cronograma ocorre em função dos impactos do novo coronavírus (COVID-19) no país

ABMES lança 4ª edição do Prêmio de Jornalismo

Iniciativa visa incentivar e valorizar o papel da imprensa na cobertura de temas relacionados ao ensino superior brasileiro