Detalhe

Capes torna mais rígida avaliação e criação de cursos de pós-graduação

20/08/2018 | Por: G1 | 843

A Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior (Capes) publicou uma portaria no Diário Oficial da União que torna mais rígida as regras para criação e avaliação de cursos de pós-graduação stricto sensu (mestrado e doutorado). Esses cursos são avaliados pela Capes de quatro e quatro anos e recebem notas que vão de 1 a 7.

As escalas adotadas na avaliação periódica estão mantidas:

  • cursos com notas 1 e 2 têm desempenho insuficiente para se manter em funcionamento
  • nota 3 são atribuídas para programas de qualidade regular
  • nota 4 são considerados bons
  • nota 5 são considerados muito bons
  • notas 5 e 7 são reservadas para os cursos de excelência

Uma das mudanças é que a partir de agora para continuar em atividade os cursos de doutorado precisam conquistar a nota 4 na avaliação de permanência. Os que receberem nota 3 serão descredenciados como um todo, inclusive se ele for composto por um curso de mestrado e um de doutorado, segundo a Capes. Contudo, para programas com somente mestrado, a nota 3 continua suficiente para o funcionamento.

A nova regra só vale a partir da próxima avaliação quadrienal, quando com os programas com doutorado que ainda contam com a nota 3 terão a oportunidade de alcançar o novo nível mínimo esperado para continuar em funcionamento.

Novos programas
A partir de agora, para entrar em funcionamento, o curso terá a proposta "aprovada" ou "não aprovada" pela Capes. Antes, a avaliação era feita por uma nota tradicional na escala de 1 a 7.

Para a proposta do novo curso ser aprovada, é necessária a constatação de que ela alcançou um padrão de qualidade equivalente ou superior ao mínimo exigido no documento que orienta a Avaliação de Proposta de Cursos Novos (APCN) de cada área. Assim, o curso irá formar um novo programa com status “aprovado” ou pode compor um já existente, como quando um doutorado é proposto por programas de pós-graduação (PPG) que já tenha um curso de mestrado. Neste último caso, como já existe um programa em funcionamento, o novo curso assume a nota já atribuída ao PPG do qual ele passa a fazer parte.

A partir daí, tanto programas “aprovados” quanto os que já contam com notas atribuídas deverão passar pela avaliação de permanência. Todos os programas são avaliados periodicamente, a última aconteceu em 2017.


Conteúdo Relacionado

Legislação

PORTARIA CAPES Nº 273, DE 18 DE DEZEMBRO DE 2018

Dispõe sobre a tramitação de recursos das decisões do Conselho Técnico Científico da Educação Superior CTC-ES, nos termos do Decreto 8.977 de 30 de janeiro de 2017.


Notícias

Regulamentação de pós-graduação stricto sensu a distância

Os cursos serão acompanhados e avaliados periodicamente pela Capes

Grupo de trabalho discute pós-graduação stricto sensu a distância

Reunião aconteceu na sexta-feira, 24 de agosto. A ABMES é uma das entidades que compõe o grupo de trabalho

Divulgado resultado da terceira fase do Programa Residência Pedagógica

O Programa é uma das ações que integram a Política Nacional de Formação de Professores e tem por objetivo induzir o aperfeiçoamento do estágio curricular supervisionado nos cursos de licenciatura

Graduação a distância permite que profissionais conciliem estudos e trabalho

Saiba como adultos vêm dando um drible na falta de tempo na luta pelo diploma

Público mais velho do ensino a distância quer autonomia sem perder o apoio

Folha de S.Paulo: em matéria sobre a importância da EAD para estudantes mais velhos, o vice-presidente da ABMES Celso Niskier fala sobre as vantagens da modalidade para este público

Polos de ensino superior a distância crescem 133% em um ano

Oferta explode após decreto reduzir as exigências para faculdades online

EAD: 1,5 milhão estuda a distância no Brasil

Mais baratos e flexíveis, cursos online ganharam força; conheça boas faculdades, histórias de quem fez e como o mercado vê esse tipo de diploma

Capes abre inscrições para prêmio que seleciona artigos científicos

Podem concorrer trabalhos individuais ou em coautoria, de portadores do título de mestre ou doutor ou matriculados em programas de mestrado ou doutorado, vinculados à instituição de pós-graduação e pesquisa e reconhecidos pelo MEC

Diploma Digital: Uma realidade da faculdade do futuro

CBN: Em entrevista à Rádio CBN Recife, o vice-presidente da ABMES Celso Niskier e o diretor executivo, Sólon Caldas, comentam os fatores que colaboram para o crescimento da educação a distância no Brasil.

Capes lança edital de seleção de projetos conjuntos de pesquisa com o Japão

O edital visa a selecionar até 2 projetos conjuntos de pesquisa, mediante decisão conjunta entre as agências financiadoras e conforme suas respectivas disponibilidades orçamentárias

EAD passará o ensino presencial em 5 anos

DCI: Previsão é que em 2023, 2,2 milhões de matrículas sejam para aulas à distância, somando 51% do total de alunos

Ensino a distância cresce mais que presencial, mas gera desconfiança

Rondôniaovivo: A pesar de crescer em ritmo mais acelerado que o ensino presencial, a educação a distância (EaD) não é a primeira opção para a maioria das pessoas que buscam uma graduação

Capes e Natura premiam pesquisadores com até 50 mil reais

Serão aceitos artigos científicos nos temas de Biodiversidade: Bioconversão de resíduos de cadeia amazônica; e Conservação: Prospecção de microorganismos potenciais para bioativos