Detalhe

Abertas chamadas públicas para cotas de iniciação científica

23/03/2018 | Por: Ministério da Educação | 980
Foto: pexels

Instituições de ensino superior públicas ou privadas que desenvolvam política de pesquisa científica institucionalizada têm até 10 de abril para submeter suas propostas ao Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq), órgão vinculado ao Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovação e Comunicações (MCTI). A chamada vale também para os centros de pesquisa.

O período de submissão de propostas é referente às cotas dos programas de iniciação científica e tecnológica, como Pibic (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica), Pibiti (Programa Institucional de Bolsas em Desenvolvimento Tecnológico e Educação), Pibic-Af (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica nas Ações Afirmativas) e Pibic-EM (Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica no Ensino Médio).  

A edição 2018-2020 das chamadas públicas distribuirá cotas em dois ciclos de 12 meses. O primeiro começa em 1º de agosto deste ano; o segundo, em 1º de agosto de 2019. A divulgação dos resultados estará disponível na página do CNPq na internet a partir de junho de 2018.

 O formulário eletrônico para inscrição nas Chamadas de ICT está disponível na Plataforma Carlos Chagas e deverá ser submetido somente pelo representante institucional de iniciação científica indicado pelo titular (gestor institucional, dirigente máximo da instituição) ao Diretório de Instituições do CNPq.

Cabe a esse representante, antes de submeter a proposta, atualizar o currículo na base Lattes, bem como os dados da instituição no Diretório de Instituições, e preparar o relatório institucional da edição 2016-2018. Os relatórios institucionais deverão, ainda, anexar à proposta formulário segundo o modelo referente a cada modalidade

Programas
O Pibic foi o primeiro programa institucional criado para a iniciação científica. Concede bolsas de iniciação científica a estudantes de graduação que queiram participar de um projeto de pesquisa, assim como estudantes de ensino médio, e tem como objetivo contribuir tanto na formação de recursos humanos para a pesquisa quanto na redução do tempo médio de permanência dos alunos na pós-graduação, possibilitando o acesso e a integração do estudante à cultura científica.

O Pibiti é voltado à iniciação tecnológica e de inovação de estudantes de graduação. O programa concede bolsas de iniciação científica às instituições que desenvolvem pesquisa em tecnologia e inovação por meio de chamada pública de propostas. A seleção dos projetos é feita pelas instituições.

Resultado de uma parceria entre o CNPq e a Secretaria de Promoção de Políticas de Igualdade Racial (Seppir), o Pibic-Af concede bolsas diretamente às instituições públicas participantes do Pibic que tenham implementado ações afirmativas para o ingresso na educação superior. Somente poderão ser indicados os estudantes que sejam beneficiários de ações afirmativas.

O Pibic-EM, voltado aos estudantes do ensino médio, concede bolsas diretamente às instituições.  Somente poderão ser beneficiários os estudantes que estiverem cursando o ensino público.

Para todos os programas, caberá às instituições selecionar os projetos a serem inscritos.

Clique aqui para acessar a Plataforma Carlos Chagas.


Conteúdo Relacionado

Legislação

EDITAL CAPES Nº 19, DE 25 DE MAIO DE 2018

Torna pública a seleção de propostas de Instituições de Ensino Superior (IES), para a oferta de até 150 (cento e cinquenta) turmas especiais em cursos de Licenciatura, no âmbito do Programa PARFOR.


PORTARIA CAPES Nº 125, DE 29 DE MAIO DE 2018

Estabelece as modalidades de bolsas de estudos no exterior e no Brasil fomentadas no âmbito das ações e programas geridos pela Diretoria de Relações Internacionais da Capes, bem como determina os valores dos principais tipos de benefícios a serem disponibilizados para cada modalidade.


Notícias

Confira novas atualizações sobre chamadas públicas internacionais

Os detalhes, datas, informações e demais procedimentos sobre os programas na área de educação internacional são atualizados rotineiramente no documento "Chamadas Públicas" elaborado pela ABMES

Desmistificando os Rankings Acadêmicos

Jornal da PUC - Campinas: Entrevista com o Prof. Dr. Adolfo Ignácio Calderón fala sobre o tema Rankings Acadêmicos que, embora sejam cada vez mais utilizados como referência em termos de projeção e divulgação das instituições de ensino, é cercado de controvérsias

Capes e Natura premiam pesquisadores com até 50 mil reais

Serão aceitos artigos científicos nos temas de Biodiversidade: Bioconversão de resíduos de cadeia amazônica; e Conservação: Prospecção de microorganismos potenciais para bioativos

Pibid e Residência Pedagógica anunciam resultado preliminar

O resultado final de ambos os programas será divulgado no fim de maio e os projetos tem previsão de início das atividades a partir de agosto

ABMES divulga oportunidades internacionais na área de educação

Cronogramas e instruções sobre os programas na área de educação internacional são atualizados rotineiramente pela ABMES

Fulbright oferece bolsa para aperfeiçoamento profissional nos EUA

Inscrições podem ser feitas online até 27 de maio

Capes divulga chamada do Programa de Apoio a Eventos no País

O edital atenderá os eventos do segundo semestre de 2018, que tenham data de início no período entre 1º de agosto e 31 de janeiro de 2019

Sobre a internacionalização das universidades

Artigo publicado no jornal Correio Braziliense no dia 5 de abril de 2018 fala sobre a importância das instituições de educação superior se moldarem ao novo cenário mundial para que o Brasil se equipare, num futuro próximo, aos países desenvolvidos

Inep recebe inscrições de docentes para Banco de Avaliadores do Sinaes

O resultado será divulgado a partir de 17 de abril. São mil vagas para qualquer graduação, e mais 10.973 vagas para áreas diversas

Capes financia desenvolvimento de ferramentas de acessibilidade

Os projetos aprovados serão financiados com recursos no valor global estimado de R$ 1 milhão, para itens de capital e custeio, oriundos do orçamento da Capes

Prorrogadas até 21 de fevereiro as inscrições para programas internacionais da Capes

Os editais ofertam vagas para programas de Professor Visitante (PVE), Pós-doutorado e Doutorado-pleno no exterior. Todas as vagas têm previsão de início dos estudos a partir de agosto a novembro de 2018

Programa destina R$ 5,5 milhões para projetos em pesquisa e inovação

O edital do programa Talentos para Inovação abrange 27 áreas de competência e totaliza o investimento em R$ 5,5 milhões

Confira as oportunidades internacionais que estão abertas para estudantes e docentes brasileiros

Cronogramas e instruções sobre os programas na área de educação internacional são atualizados rotineiramente pela ABMES

Divulgado novo prazo de inscrição para programas internacionais da Capes

Para estarem aptos, os candidatos deverão observar os requisitos descritos em cada edital

Novo regulamento unifica normas de programas internacionais da Capes

A principal novidade trazida pela Portaria nº 8 é o termo de compromisso do coordenador de projeto, documento que esclarece as atribuições do gestor da proposta aprovada

Capes aprimora instrumento normativo para interposição de recursos

De acordo com o documento, os recursos das decisões do CTC-ES deverão ser protocolados por meio de ofício dirigido ao presidente da Capes

CNPq reativa bolsas de doutorado sanduíche

Ao todo, serão beneficiados 120 projetos, totalizando cerca de 250 bolsas. A solicitação deve ser feita por meio da Plataforma Carlos Chagas do CNPq

Sistema de informações da educação brasileira busca transparência pública e efetividade para melhoria dos resultados educacionais

À medida que aumenta a relevância do Inep, principal responsável por levantamentos estatísticos educacionais, intensifica-se o debate em torno da utilização das informações produzidas pelo órgão

Governo consolida políticas educacionais para avançar na questão etnorracial

A Lei nº 12.711 que institui o sistema de cotas para o ingresso de estudantes nas universidades e institutos federais de educação é considerado um desses avanços