Detalhe

EAD se consolida no Brasil

27/05/2019 | Por: Destak | 1069
Foto: Reprodução/Destak

O aumento no número de instituições no Brasil que oferecem o EAD (Ensino a Distância) confirma uma tendência que há quase duas décadas era rejeitada pela maioria dos acadêmicos e por muitas empresas na hora da contratação de profissionais.

De acordo com dados a ABMES (Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior), o número de alunos matriculados nessa modalidade quase que dobrou em menos de dez anos. Em 2009, 838 mil alunos se matricularam em cursos de EAD, sendo que o número saltou para 1.756.982, em 2017.

O censo realizado pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) em 2018, mostra que as matrículas em EAD no Brasil cresceram 17,6% de 2016 para 2017. A quantidade de cursos no país também aumentou nesse período, passando de 1.662 para 2.108, o que representa aumento de 26.8% em apenas um ano, o maior crescimento desde 2009.

Essa categoria de ensino apresenta muitas vantagens, como atender estudantes que moram longe dos grandes centros urbanos, onde se concentra a maioria das escolas e universidades de ensino presencial, flexibilidade para fazer o próprio horário e baixo custo em relação aos cursos presenciais, contando ainda com a economia de gastos com alimentação e transporte.

Ensino superior e pós-graduação
No entanto, para o bom aproveitamento do curso, é preciso atender a um perfil que exige disciplina e dedicação. Quem deseja fazer o ensino superior ou pós-graduação a distância, mas necessita de lista de presença como pressão para não faltar às aulas e do contato pessoal com professores e colegas de sala, deve esquecer o EAD. O estudante deve ter acesso a computador com programas atualizados e internet de qualidade e, o principal, muita disciplina para estudar as horas necessárias e cumprir as atividades exigidas.

Assim como os cursos presenciais, o EAD exige um mínimo de frequência para que o aluno seja aprovado. Esse controle é feito por meio das atividades no curso, como estudar o material que foi disponibilizado, preparando resumos e relatórios, fazer exercícios e participar de chats que promovem discussões e estudo de casos. Ao invés de professores, o estudante online terá tutores que acompanham seu dia a dia, fazendo cumprir a metodologia adotada.

A legislação brasileira exige, no entanto, que a avaliação ao final do curso seja feita de forma presencial. Por isso, quem pretende ingressar em um curso EAD de ensino superior ou pós-graduação, deve verificar o local das provas para se programar para as despesas de viagem e ausência do local de trabalho, por exemplo.

Quase tudo pode ser estudado a distância
Os cursos EAD se popularizaram de tal forma, que atualmente é possível estudar quase tudo a distância e obter um certificado.

Com o número de desempregados no país na casa dos 13,5 milhões, quem procura por uma colocação no mercado busca uma forma rápida e barata para adquirir um certificado e aumentar as chances de conseguir uma renda.

Cursos técnicos, de capacitação ou extensão sobre os mais variados assuntos podem ser encontrados em uma pesquisa rápida na internet. De técnico eletricista, passando por administração do próprio negócio, tem curso até para aprender a elaborar um currículo e aumentar as chances de conseguir um emprego.

Mas para aqueles que não têm tanta pressa e visam uma formação profissional de qualidade com o máximo de aproveitamento, é preciso avaliar muito antes de se matricular em um curso EAD. Veja as dicas.

Para ter sucesso no EAD
Organize sua rotina

Determine um horário específico para estudar e faça um planejamento das tarefas com objetivos e cronograma.

Seja disciplinado
Focar, anotar e fazer são as três regras da disciplina. Siga o planejamento de tarefas, considerando sempre que no horário estipulado para estudos essa é sua única prioridade.

Não subestime a modalidade
Por exigir tanta disciplina, o curso EAD não é fácil. Esteja preparado para esse desafio, senão você acaba desistindo e amargando prejuízos.

Participe
Participe de fóruns de discussões e plantão de dúvidas, se houver. Não hesite em entrar em contato com os tutores para fazer perguntas e pedir orientações.

Evite distrações
O local de estudo deve ser calmo, sem barulho ou interrupções. Esqueça o celular ou a tv. Por mais difícil que lhe pareça, devem ficar desligados.

Conheça a plataforma
Para bom aproveitamento do EAD, antes de iniciar qualquer atividade, procure dominar as ferramentas da plataforma do seu curso. Vasculhe tudo e se tiver dúvidas, pergunte.

Atualize sua tecnologia
Um bom computador e uma boa conexão de internet são fundamentais para fazer um curso EAD. Antes da matrícula, analise que irá precisar fazer algum investimento nessa área.

Descanse
Não deixe de colocar descanso e horas de lazer na sua programação. Pelo menos um dia por semana para isso é fundamental.


Conteúdo Relacionado

Vídeos

Debate | Expressão Nacional - Qualidade do Ensino a Distância

Em 5 de novembro de 2019, o diretor executivo da ABMES, Sólon Caldas, participou do programa Expressão Nacional, da TV Câmara, com o tema "Qualidade do Ensino a Distância". Além dele, o debate contou com a presença dos deputados federais Gastão Vieira e Átila Lira, bem como do gerente de Políticas Educacionais do Movimento Todos Pela Educação, Gabriel Correa

ABMES apresenta mitos e verdades sobre EAD na Câmara dos Deputados

Sólon Caldas, diretor executivo da ABMES, participou na terça-feira (27/08) de audiência pública na Câmara dos Deputados para debater EAD na área da Saúde. Na ocasião, Caldas desmentiu algumas informações irreais relacionadas à modalidade e ressaltou a importância da observação dos critérios regulamentares do MEC para a utilização plena e responsável da tecnologia

Cordel da EAD

Utilizando a linguagem de cordel, a ABMES explica um pouco mais sobre a educação a distância (EAD) e a importância dela para o ensino superior brasileiro

EAD para pós-graduação e ampliação da modalidade em cursos presenciais

No fim de 2018 algumas notícias importantes movimentaram a educação superior brasileira: a regulamentação de programas de pós-graduação stricto sensu na modalidade EAD e a ampliação de aulas nessa modalidade que podem ser ofertadas nos cursos de graduação presenciais, o limite passou de 20% para 40%. Confira neste vídeo alguns pontos importantes dessas medidas e tire suas dúvidas

Um ano do Decreto da EAD - o que mudou?

Após um ano da publicação do Decreto Nº 9.057, que regulamentou a educação a distância no Brasil, a modalidade se tornou ainda mais popular. Confira mais informações sobre a EAD neste vídeo produzido pela ABMES TV.

Legislação

INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 1, DE 14 DE JANEIRO DE 2013

Dispõe sobre os procedimentos do fluxo dos processos de regulação de reconhecimento e renovação de reconhecimento de cursos na modalidade EAD.


INSTRUÇÃO NORMATIVA Nº 2, DE 14 DE JANEIRO DE 2013

Disciplina os procedimentos para os processos de mudança de local de oferta de cursos superiores, na modalidade presencial, oferecidos por Instituições de Educação Superior (IES) sem autonomia universitária do Sistema Federal de Ensino.


PORTARIA MEC Nº 1.428, DE 28 DE DEZEMBRO DE 2018

Dispõe sobre a oferta, por Instituições de Educação Superior - IES, de disciplinas na modalidade a distância em cursos de graduação presencial.


PORTARIA CAPES Nº 90, DE 24 DE ABRIL DE 2019

Dispõe sobre os programas de pós-graduação stricto sensu na modalidade de educação a distância.


Notícias

A importância da educação a distância

Estadão: Em artigo, Celso Niskier explica que, em um país como o Brasil, é fundamental a existência de um sistema educacional hibrido, combinando atividades e cursos presenciais e à distância

A EAD e o ingresso no Ensino Superior

Modalidade a distância cresce nos cursos de graduação do País

Cursos de licenciatura EAD terão que oferecer estágio presencial a partir de 2022, define conselho

G1: Sólon Caldas, diretor executivo da ABMES, afirma que é preciso modernizar as licenciaturas e introduzir novas tecnologias

EAD, parte 4: apesar de boom de matrículas, faturamento das faculdades privadas com modalidade ainda é 'aposta'

O Globo: Em entrevista, o diretor presidente da ABMES, Celso Niskier, comenta sobre o crescimento da educação a distância

Graduação na sala de casa? Educação a distância avança mais rápido no Brasil

Estado de Minas: Matéria com participação do diretor presidente da ABMES faz análise da situação da educação superior brasileira com destaque para o estado de Minas Gerais

As mudanças necessárias no ensino e o conceito híbrido

Terra: Em levantamento apresentado pela ABMES , o crescimento na modalidade EAD tem redefinido o perfil acadêmico atualmente

Matrículas na educação a distância devem superar cursos presenciais em 2023

Hoje em dia: Matéria traz dados de pesquisa da ABMES mostrando que a EAD será a preferência de mais de 2,2 milhões de estudantes em 2023

Conselhos profissionais podem vetar alunos com formação EaD?

Quero Bolsa: Matéria com participação da ABMES fala sobre restrições que alguns conselhos profissionais querem impor ao registro de alunos formados em cursos a distância

Onde melhorar a educação

O Globo: Em artigo, Arnaldo Niskier apresenta alguns problemas enfrentados pela educação brasileira em todos os níveis

Este ranking inédito traz os melhores cursos a distância no Brasil

Exame: Em levantamento realizado pela ABMES, aponta o crescimento de estudantes interessados na modalidade a distância

Capes autoriza programas de mestrado e doutorado a distância

Quero Bolsa: Em entrevista, o diretor presidente da ABMES, Celso Niskier, comenta sobre a ampliação dos cursos EAD

"Meu filho quer fazer EAD, e agora?"

SEGS: Em levantamento feito pela ABMES, a modalidade a distância tem captado o público mais jovem nos últimos anos.

Ranking inédito traz lista dos melhores cursos a distância do país

TI Inside: Em pesquisa feita pela ABMES, mostra o crescimento na educação a distância

Alunos de farmácia, veterinária e arquitetura EaD podem ficar sem registro

Folha de S.Paulo: Em entrevista, o diretor executivo da ABMES, comenta sobre a decisão dos conselhos de barrar as inscrições de profissionais formados por cursos a distância

Faculdades vão oferecer mestrado e doutorado a distância a partir de 2020

Folha de S.Paulo: Em entrevista, o diretor-presidente da ABMES, Celso Niskier, comenta sobre a demanda por mestrados e doutorados a distância

Capes permitirá pela primeira vez cursos de pós-graduação a distância

O Globo: Em entrevista , o diretor presidente da ABMES, Celso Niskier, comenta sobre a pós-graduação stricto sensu na modalidade a distância

Metade das bolsas integrais do ProUni é em cursos a distância

Agência Brasil: Em entrevista, o diretor executivo da ABMES, Sólon Caldas, comenta sobre a EAD

A nova sala de aula

SEGS: Em dados apresentados pela ABMES mostra que as instituições particulares passarão a receber mais alunos para estudar em cursos a distância do que presencialmente

Matrículas em faculdades à distância devem superar as presenciais em 4 anos

Estado de Minas: Em entrevista, o diretor presidente da ABMES, Celso Niskier, comenta sobre o crescimento da modalidade EAD

Cursos de Educação a Distância da UFPE são bem avaliados pelo MEC

Diário de Pernambuco: Pesquisa divulgada pela ABMES mostra que 44% dos entrevistados optariam pela modalidade EAD

Aluno deve ser ressarcido se curso a distância não for válido

O Tempo: Em entrevista, o diretor executivo da ABMES, Sólon Caldas, comenta sobre o cursos EAD

ABMES repudia informações infundadas divulgadas pelo CFMV

Atitudes de desinformação e até enganosas comprometem absurdamente a segurança jurídica de alunos, professores, profissionais e toda a sociedade

Mitos e realidades da EAD será tema de palestra no CNE

Presidente da Abed apresentará os desafios, conquistas e a importância da educação a distância

Ensino a distância é alvo de polêmica

A Tribuna: em entrevista, o diretor executivo da ABMES, Sólon Caldas, comenta sobre a falta compreensão técnica dos Conselhos

Nova portaria esclarece critérios para criação de curso de pós-graduação stricto sensu a distância

A instituição interessada deverá enviar à Capes documentação comprobatória dos critérios exigidos durante a apresentação da proposta de novo curso

Entidades de educação superior processam conselhos que vetam EAD

Folha de S.Paulo: Em entrevista, o diretor executivo da ABMES, Sólon Caldas, comenta sobre a decisão arbitrária dos conselhos de não reconhecer cursos EAD

ABMES entra na Justiça após conselhos barrarem alunos de EAD

Decisão da Associação de Mantenedoras do Ensino Superior acontece após entidades decidirem barrar registro de formandos em cursos à distância

Cursos a distância: Conselhos barram registro de alunos

Jornal da Band: Em entrevista, o diretor executivo da ABMES, Sólon Caldas, comenta sobre os cursos EAD

Restrição a registro de formados por EAD provoca queda de braço entre universidades e conselhos

Zero Hora: Em notícia, o diretor executivo da ABMES, Sólon Caldas, comenta sobre a modalidade EAD

Ensino a distância vai superar alunos dentro de sala de aula

A Tribuna ES: Em entrevista, o diretor executivo da ABMES, Sólon Caldas, fala sobre o crescimento do ensino a distância

ABMES aciona legalmente conselhos profissionais que se opõem a cursos EAD

Prática usurpa competência do MEC e vai contra a legislação educacional vigente no país

Redução de burocracia garante melhor andamento de processos

O cenário ideal para o ensino superior privado do Brasil seria a autorregulação desempenhada pelas próprias instituições

Educação a distância cresce e novas modalidades são oferecidas no estado

Diário de Pernambuco: Em levantamento realizado pela ABMES mostrou ainda que, se informados de que os cursos a distância podem ter etapas presenciais, a aceitação aumenta para 93% dos estudantes pesquisados

Veterinários formados a distância vão poder exercer a profissão

Canal Rural: Em entrevista, o assessor jurídico da ABMES, Bruno Coimbra, comenta sobre as novas regras do Fies, que dificultam o acesso ao programa

Veterinários formados a distância não terão registro profissional

Agência Brasil: Em entrevista, o consultor jurídico da ABMES, Bruno Coimbra, fala sobre os cursos a distância

Mestrado e doutorado a distância

Programas de pós-graduação stricto sensu na modalidade EAD são regulamentados no País

Coluna

Educação Superior Comentada| O descabimento da decisão do CAU/BR que veda a inscrição e registro de egressos de cursos de Arquitetura e Urbanismo ofertados em EAD

Para falar sobre a perseguição dos conselhos profissionais ao ensino a distância, Gustavo Fagundes comenta na edição desta semana sobre a decisão do Conselho de Arquitetura e Urbanismo do Brasil, que decidiu que os conselhos estaduais não admitirão o registro de egressos de cursos de graduação EAD. O especialista ressalta que é preciso que os conselhos entendam que não cabe a eles distinguir entre as modalidades de oferta da educação superior

Educação Superior Comentada| A ampliação do credenciamento provisório para oferta de EAD

Na edição desta semana são abordadas as normas que promoveram a ampliação do alcance do credenciamento provisório para oferta de educação a distância (EAD). Na opinião de Gustavo Fagundes, isso permitirá de fato uma atuação mais adequada das instituições de educação superior. "Vale lembrar contudo que o credenciamento provisório deve ser ratificado depois da avaliação in loco e com a publicação do ato definitivo"

Educação Superior Comentada| Inviabilidade da oferta de cursos de graduação integralmente a distância

Na edição desta semana, Gustavo Fagundes faz uma análise histórica sobre a regulação da educação a distância com o objetivo de explicar a evolução das normas aplicadas à modalidade. Segundo o especialista, “não será mais viável a obtenção de autorização de funcionamento de cursos de graduação a distância sem previsão de atividades presenciais obrigatórias”

Educação Superior Comentada | Carga horária para a extensão na EAD e o percentual de atividades presenciais

Na edição desta semana, Gustavo Fagundes responde algumas dúvidas de leitores da Coluna Educação Superior Comentada sobre a inclusão ou não da carga horária destinada à extensão dentro do limite de 30% de carga horária para atividades presenciais nos cursos a distância. O especialista esclarece a questão por meio de uma interpretação sistêmica, compreendendo o contexto regulatório vigente, sobretudo do artigo 100 da Portaria Normativa n° 23/2017

Educação Superior Comentada | A resolução do Crefito 3 que proíbe o registro de egressos de cursos de Fisioterapia EAD

Na edição desta semana, Gustavo Fagundes afirma ser descabida a atitude do Conselho Regional de Fisioterapia e Terapia Ocupacional da 3ª Região (Crefito 3) – com atuação no estado de São Paulo/SP, que editou a Resolução n° 68/2019 para proibir a inscrição de fisioterapeutas e terapeutas ocupacionais oriundos de cursos realizados na modalidade a distância