As novas diretrizes dos instrumentos de avaliação in loco

Na edição desta semana, Bruno Coimbra aborda a reformulação e modernização dos instrumentos de avaliação das instituições de educação superior. "O desejo do setor educacional é que as finalidades mais nobres da mudança se concretizem e que se alcance, de fato, o equilíbrio entre medidas de resultados e de processos e a clareza entre os indicadores e a indução de qualidade pretendida."

19/10/2022 | Por: ABMES | 246

Na coluna Educação Superior Comentada, o consultor jurídico da ABMES discorre semanalmente sobre assuntos de relevância para o universo das instituições particulares de educação superior. O acesso à íntegra do texto é exclusivo para associados da ABMES.



Conteúdo exclusivo aos nossos associados.
Faça login para ter acesso a área restrita.