Detalhe

MEC estuda criar 'Fies Plus', com bancos privados financiando universitários

09/06/2017 | Por: Folha de S.Paulo | 1702
Albery Santini/Futura Press/Folhapress Michel Temer e o ministro da Educação, Mendonça Filho

O MEC (Ministério da Educação) pretende lançar estímulos para que bancos privados aumentem o financiamento a estudantes universitários. É o que vem sendo chamado internamente de "Fies Privado" e "Fies Plus".

Novo Fies

O governo seguiria financiando estudantes de baixa renda, por meio do Fies já existente. A ideia é ampliar o número de vagas. E manter os custos do financiamento, sem aumento dos juros.


Conteúdo Relacionado

Notícias

Fies vai prever desconto de salário assim que devedor tiver emprego

O governo de Michel Temer (PMDB) deve lançar nesta semana as novas regras para o Fies

STJ derruba liminar que impactaria orçamento do Fies em R$ 266 milhões

A decisão do Superior Tribunal de Justiça ocorreu após recurso da Advocacia-Geral da União (AGU)

Mercado testa crédito estudantil que funciona como um investimento

Estadão: Entre as especulações sobre o programa estão o aumento nos juros, atualmente em 6,5% ao ano, e mudança no prazo de carência, de 18 meses, explica Sólon Caldas

Prazo para renovação de contratos do Fies termina sexta-feira

Os contratos do Fies devem ser renovados a cada semestre e o pedido de aditamento é feito inicialmente pelas faculdades

Metade dos universitários desiste antes de se formar; custo é bilionário

Gazeta do Povo: Falta de vocação, formação ruim no ensino básico e crise financeira são citadas como motivo para os índices elevados de desistência

Mais de 34 mil vagas do Fies 2017/1 não foram preenchidas

Brasil Escola: Para a ABMES, um dos maiores motivos para a não ocupação de 23% das vagas é a prioridade que se dá para cursos que não possuem grande procura

Fies fica com 20% das novas vagas ociosas neste primeiro semestre

Valor Econômico: O aluno nunca consegue financiar 100% da mensalidade, disse Sólon Caldas