Detalhe

Ensino presencial volta a crescer nas universidades privadas

21/03/2023 | Por: Extra Classe | 1427

A demanda por cursos presenciais nas Instituições de Ensino Superior (IES) privadas voltou a subir. Essa é a conclusão do novo estudo sobre a captação da Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (Abmes), o Radar Abmes, divulgado nessa terça-feira, 21, às 11h, em um evento on-line da entidade para suas associadas.

A região Sul foi a que apresentou maior crescimento no número de matrículas, com 53% de acréscimo. Na sequência, Norte (50%), Sudeste (41%), Centro-Oeste (37%) e Nordeste (35%).

O levantamento comparou o total de matrículas de universidades privadas no primeiro semestre deste ano com igual período do ano passado, quando houve queda do número de alunos na modalidade presencial.

De acordo com a entidade, 46% das universidades entrevistadas dizem que o número de novas matrículas para as aulas presenciais superou o patamar do início de 2022. Outros 24% dizem que a captação de alunos se manteve, enquanto 30% observaram redução na procura, de acordo com a pesquisa.

Para o diretor presidente da Abmes e reitor da UniCarioca, Celso Niskier, este primeiro semestre de 2023 reverteu um cenário no qual o número de matrículas na modalidade presencial estava decrescendo. “As instituições estavam captando cada vez menos no presencial. O número estava decrescendo”, afirma.

Segundo a Abmes, além de fatores internos das mantenedoras como investimentos em equipes de marketing, vendas e publicidade, a postura do novo governo federal contribuiu de forma decisiva para o resultado.

“Nós assistimos na TV e [ouvimos] nas rádios uma campanha intensa do MEC estimulando jovens a ingressarem no ensino superior. O Sisu cresceu e naturalmente aumentou a procura pelo Prouni e pelo Fies”, afirma Niskier.

Apesar do avanço, conforme o estudo apresentado, somente 17% das IESs entrevistadas relataram que atingiram suas metas de novas matrículas.

Durante o evento de divulgação dos índices do Radar Abmes, a entidade apresentou uma análise de cenário e alternativas para geração de receitas complementares possíveis para as instituições.

Especialistas ainda trouxeram diversos insights sobre marketing digital e outras estratégicas para alavancar a captação e a receita das IES de todos os portes e perfis.

O Radar Abmes é uma ferramenta de análise de mercado e benchmarketing. A coleta dos dados foi realizada entre os dias 7 e 17 de março via formulário on-line com diretores das mantenedoras associadas à Abmes em todo Brasil.