Detalhe

Direito de aluno não fazer prova em dias de guarda religiosa é tema de audiência

02/10/2017 | Por: Agência Senado | 793
Geraldo Magela/Agência Senado Senador Pedro Chaves (PSC-MS), relator da proposta na Comissão de Educação (CE), solicitou a audiência pública

O controle de frequência e a aplicação de avaliações para alunos impossibilitados de comparecer à escola por motivo de crença religiosa será tema de audiência pública marcada para a quarta-feira (4) na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE), às 10h30.

O assunto é tratado no Projeto de Lei da Câmara (PLC) 130/2009, do deputado Rubens Otoni (PT-GO). O texto assegura aos alunos de escolas públicas ou privadas o direito de realizar provas em dias que não sejam de guarda religiosa. A proposta está sendo relatada pelo senador Pedro Chaves (PSC-MS), que solicitou o debate.

Foram convidados representantes da Igreja Adventista do Sétimo Dia, da Confederação Israelita do Brasil (Conib), da Associação Brasileira de Mantenedoras do Ensino Superior (ABMES), do Conselho Nacional de Educação, e da Federação Nacional das Escolas Particulares.


Conteúdo Relacionado

Vídeos

Direito de aluno não fazer prova em dias de guarda religiosa foi tema de audiência

O controle de frequência e a aplicação de avaliações para alunos impossibilitados de comparecer à escola por motivo de crença religiosa foi  tema de audiência pública  em 4 de outubro na Comissão de Educação, Cultura e Esporte (CE).

Coluna

Educação Superior Comentada | O projeto de lei que impõe a aplicação de provas e atribuição de frequência a alunos impedidos de comparecer às atividades acadêmicas por motivos religiosos

Na edição desta semana, o consultor jurídico da ABMES, Gustavo Fagundes, analisa o projeto de lei em tramitação no Senado Federal dispondo sobre aplicação de provas e atribuição de frequência a alunos impedidos de comparecer às atividades acadêmicas por motivos religiosos