Detalhe

Paulo Chanan publica análise sobre dados do Censo da Educação Superior 2019

28/10/2020 | Por: ABMES | 655
Freepik Estudo avalia cenários da educação superior

Na última sexta-feira (22/10) o Ministério da Educação (MEC) lançou o Censo da Educação Superior 2019. Realizado anualmente pelo Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep), a publicação é o instrumento de pesquisa mais completo do Brasil sobre as instituições de educação superior (IES) que ofertam cursos de graduação e sequencias de formação específica, além de seus alunos e docentes.

A edição 2019 mostrou que a educação a distância (EAD) foi a responsável por puxar o número de novos alunos no ensino superior brasileiro. Enquanto a entrada de novos estudantes por meio dessa modalidade cresceu 15,9%, no ensino presencial houve uma redução de 1,5%. Em 2009, o número de matrículas na EAD era 838.125, dez anos depois, a quantidade chega a 2.450.264, que corresponde a 28,5% do total de matrículas da educação superior.

Para explicar melhor alguns cenários apontados pelo Censo 2019, Paulo Chanan, membro do Conselho de Administração da ABMES e vice-presidente da Associação Brasileira das Mantenedoras das Faculdades (Abrafi), compilou e analisou alguns dados e publicou o estudo “Comentários aos Primeiros Números do Censo da Educação Superior Brasileira – 2019”.

Clique aqui para acessar o estudo na íntegra.


Conteúdo Relacionado

Vídeos

Coronavírus e educação superior: 5ª fase do estudo sobre o que pensam os alunos

Confira a íntegra do seminário "Coronavírus e educação superior: 5ª fase do estudo sobre o que pensam os alunos". O evento foi realizado na terça-feira (17/11), pelo YouTube da ABMES

 

Um ano do Decreto da EAD - o que mudou?

Após um ano da publicação do Decreto Nº 9.057, que regulamentou a educação a distância no Brasil, a modalidade se tornou ainda mais popular. Confira mais informações sobre a EAD neste vídeo produzido pela ABMES TV.

Notícias

Paulo Chanan publica análise sobre os cursos em EAD a partir do Censo da Educação Superior 2019

Membro do Conselho de Administração da ABMES elabora estudo que analisa o cenário dos cursos de graduação em EAD levando em consideração o Censo da Educação Superior 2019, divulgado em outubro de Inep/MEC

Pandemia cria demanda reprimida para educação superior em 2021

Estudo com mais de 1.000 pessoas mostra que brasileiros que estavam adiando os estudos pretendem retomar planos nos próximos meses

Brasil ainda longe das metas na educação

Os números projetados em 2014 para o Brasil ter de fato um salto na educação no prazo de um decênio estão ficando cada vez mais distantes e não serão alcançados no tempo estipulado.

Ensino a distância ganha destaque durante a pandemia da Covid-19

Matrículas de ingressantes na modalidade de ensino cresceu 378,9% nos últimos 10 anos, segundo Censo da Educação Superior

Ensino a distância se confirma como tendência

Levantamento verifica ampliação de vagas e alunos da modalidade remota. Na rede privada, total de ingressantes por EaD é maior do que no ensino presencial

Editora

Números do Ensino Superior Privado no Brasil 2019

A décima nona edição dos “Números do Ensino Superior Privado no Brasil 2019” – ano base 2018 –, organizada pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES), com base nos dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep/MEC), tem como objetivo demonstrar, compacta e claramente, as dimensões da iniciativa privada de ensino superior.

Números do Ensino Superior Privado no Brasil 2020

A vigésima edição dos “Números do Ensino Superior Privado no Brasil 2020” – ano base 2019 –, organizada pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES), com base nos dados do Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep/MEC), tem como objetivo demonstrar, compacta e claramente, as dimensões da iniciativa privada de ensino superior.