Detalhe

Inep retoma visitas de avaliação in loco nas IES a partir de 15 de novembro

29/10/2020 | Por: ABMES | 1435
Reprodução/You Tube ABMES promove bate-papo com corpo técnico do Inep

O Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira (Inep) vai retomar as visitas de avaliação in loco nas instituições de ensino superior (IES) a partir de 15 de novembro. Os critérios e procedimentos do ciclo, que se estende até 6 de dezembro, foram anunciados em bate-papo on-line promovido pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES) nesta quinta-feira (29/10).

Interrompidas em 20 de março, quando teve início o estado de calamidade instituído pelo Governo Federal em razão da pandemia da Covid-19, as visitas presenciais atenderão com prioridade às IES que aguardam processos de credenciamento ou autorizações vinculadas, aquelas que já receberam autorizações de cursos e esperam a comissão de credenciamento e as que têm processo de autorização em andamento e aguardam vistam de credenciamento. O Inep estima que cerca de 200 instituições se enquadrem nesses requisitos que serão assistidas por 70 comissões, nesse primeiro período.

O cronograma foi apresentado pela coordenadora-geral de Avaliação dos Cursos de Graduação e Instituições de Ensino Superior do Inep, Sueli Macêdo Silveira, que mostrou também o histórico de trabalho ao longo de 2020 e respondeu dúvidas enviadas por alguns dos mais de 1 mil espectadores que acompanharam a transmissão ao vivo pelo canal Rede ABMES no YouTube. “Em março, antes da interrupção dos trabalhos, havíamos realizado pouco mais de 300 visitas, cerca de metade do que estava programado. Depois passamos a administrar um fluxo de entradas com média de 35 a 40 processos por dia”, conta a coordenadora-geral.

Até o momento, apenas as IES que dependem da avaliação in loco para iniciar suas atividades serão consultadas. Nos demais casos, de acordo com a coordenadora-geral, o planejamento está sendo elaborado, porém, ainda não há um cronograma concluído e está em vigor os termos da Portaria nº 796, de 2 de outubro de 2020, que prorroga por um ano o sobrestamento dos processos.

CTAA
Sueli também esclareceu os participantes e representantes da ABMES sobre a recriação da Comissão Técnica de Acompanhamento da Avaliação (CTAA), extinta em abril de 2019 e retomada – com algumas alterações – em janeiro de 2020. Segundo ela, a partir do intenso trabalho de adaptação e reordenação das atividades do Inep, a retomada controlada do fluxo de avaliações, com designação de comissão só foi possível a partir de 22 de outubro.

Para que seja possível a realização das avaliações externas conforme previsto no cronograma, foi lançado pelo Inep, em 25 de setembro, um edital de seleção de avaliadores para reforço do Banco de Avaliadores do Sinaes (BASis). A coordenadora-geral divulgou, com exclusividade, que mais uma seleção será aberta a partir de 9 de novembro. Os docentes que fazem parte do banco de dados foram convocados para treinamento e capacitação e assinatura de um termo de concordância e consentimento, a fim de se adequarem ao protocolo de biossegurança contra o coronavírus.

O coordenador-geral do Enade, Ulysses Tavares Teixeira, tranquilizou os participantes que têm dúvidas sobre a colação de grau dos estudantes que teriam os cursos avaliados em 2020. “A Portaria nª 840, de 24 de agosto de 2018, dispensa os alunos que colam grau fora do calendário avaliativo por não se enquadrarem no critério de quem participa do Enade. Sendo assim, não há com o que se preocupar”, explicou. Ele também detalhou que os cursos que estavam no cronograma deste ano terão os dados apurados no segundo semestre de 2021, junto com os previstos para o próprio ano. Ele também anunciou que todas as mudanças do exame estão sendo elaboradas e, em breve, serão divulgadas.  

“Talvez estejamos no momento de pensar um modelo de avaliação para os próximos 20 anos, para esse mundo que está surgindo pós-pandemia, baseado cada vez mais em tecnologia, para realidade do modelo híbrido que deve se tornar prioritário no Brasil e no mundo. Temos aqui uma série de elementos para uma revisão produtiva da Lei dos Sinaes e a ABMES deseja ter participação ativa nessa discussão que faça o Brasil avançar”, avaliou o diretor presidente da ABMES, Celso Niskier.

Bate-papo com o Inep

O evento on-line com os representantes do Inep foi coordenado pelo diretor presidente da ABMES, Celso Niskier e teve a participação de vários integrantes do corpo técnico do instituto, o diretor de Avaliação da Educação Superior, Moaci Alves Carneiro; a coordenadora-geral de Avaliação dos Cursos de Graduação e Instituições de Ensino Superior, Sueli Macêdo Silveira; o coordenador de Gestão de Exames, Ulysses Tavares Teixeira; o coordenador-geral do Enade, Tarcísio Araújo Kuhn Ribeiro; e a coordenadora pedagógica, Ana Carolina de Aguiar Moreira Oliveira.

A íntegra do encontro pode ser acessada neste link.


Conteúdo Relacionado

Vídeos

Bate-papo com Inep: avaliação de curso e de IES

Confira a íntegra do bate-papo com o Inep, realizado em 29 de outubro de 2020, pelo canal da ABMES no YouTube. O evento tratou sobre a avaliação de curso e de instituições de educação superior (IES)

Bate-papo com Inep: O que sua IES precisa saber sobre o Enade 2020

Confira a íntegra do webinar "Bate-papo com Inep: O que sua IES precisa saber sobre  o Enade 2020", realizado em 07 de julho 2020, com a participação de Moaci Alves Carneiro, diretor de Avaliação da Educação Superior do Inep;  Tarcísio Ribeiro, coordenador-Geral do Enade e Fernanda Marsaro, coordenadora Geral de Controle de Qualidade da Educação Superior

Legislação

INSTRUÇÃO NORMATIVA INEP Nº 3, DE 17 DE NOVEMBRO DE 2020

Dispõe sobre a vinculação de integrantes do Banco de Avaliadores do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (BASis) a Instrumento de Avaliação de Cursos de Graduação (IACG) para atuação concomitante em avaliações de autorização, reconhecimento e renovação de reconhecimento de cursos de graduação e para credenciamento e recredenciamento de Instituições de Educação Superior.


EDITAL INEP Nº 95, DE 06 DE NOVEMBRO DE 2020

Divulga o presente Edital de Retificação da Chamada Pública de seleção de docentes da educação superior para participar de processo seletivo para ingresso no Banco de Avaliadores do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior - BASis, feita pelo Edital nº 73, de 25 de setembro de 2020.


PORTARIA INEP Nº 568, DE 09 DE OUTUBRO DE 2020

Dispõe sobre o Protocolo de Biossegurança para realização das avaliações externas in loco no período da pandemia do novo coronavírus.


PORTARIA MEC Nº 796, DE 02 DE OUTUBRO DE 2020

Dispõe sobre o sobrestamento dos processos de recredenciamento de instituições de educação superior, bem como dos processos de reconhecimento e renovação de reconhecimento de cursos de graduação, nas modalidades presencial e a distância.


EDITAL INEP Nº 73, DE 25 DE SETEMBRO DE 2020

Chamada Pública de seleção de docentes da educação superior para participar de processo seletivo para ingresso no Banco de Avaliadores do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (BASis).


Notícias

Avaliadores poderão atuar em mais de um instrumento

Inep divulga instrução normativa que trata da vinculação dos integrantes do BASis ao Instrumento de Avaliação de Cursos de Graduação (IACG)

Avaliação in loco: prorrogado edital para docentes da educação superior

Período para inscrição no processo seletivo de docentes para compor as comissões responsáveis pela Avaliação in loco vai até dia 15 de novembro

Aberto edital para avaliadores da educação superior

Inep selecionará professores responsáveis pela avaliação in loco dos cursos de graduação. As inscrições podem ser realizadas até o dia 11 de outubro

Coluna

Educação Superior Comentada | A pretensão de revisão do Sinaes

Na edição desta semana, o consultor jurídico da ABMES, Gustavo Fagundes, analisa a pretensão de revisão do Sistema Nacional de Avaliação da Educação Superior (Sinaes), levando em consideração as premissas e os propósitos da Lei nº 10.861, de 14 de abril de 2004, no processo de avaliação de desempenho pedagógico dos alunos de graduação em comparação com a prática da aplicação e resultados do Exame Nacional de Desempenho de Estudantes (Enade)