Detalhe

Pesquisa aponta que 38% dos estudantes vão adiar sonho da graduação

09/02/2021 | Por: Correio Braziliense | 548
Foto: Nguyen-Dang-Hoang-Nhu/Unsplash

Levantamento da Educa Insights, empresa de pesquisas educacionais, em parceria com a Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES), aponta queda de 13% na intenção de início imediato no ensino superior. Entre os entrevistados, 38% dos alunos esperam pela vacina e pretendem começar a graduação apenas no segundo semestre de 2021.

A primeira edição da pesquisa “Observatório da Educação Superior: análise dos desafios para 2021” levantou tom preocupante para a retração na entrada de estudantes nas instituições particulares de ensino superior (IES) do país.

Para Celso Niskier, diretor presidente da ABMES, a redução do ingresso de estudantes vai interferir no mercado de trabalho do país, que precisa de profissionais para vencer os desafios no pós-pandemia.

“Essa decisão acaba prejudicando a mão de obra qualificada no Brasil. Podendo, quem sabe, no futuro, até gerar um apagão, na medida em que nós vamos ter menos profissionais formados ao final de quatro e cinco anos”, explica.

De acordo com Daniel Infante, sócio proprietário da Educa Insights, três fatores contribuíram para a retração do início imediato nas atividades educacionais: a expectativa pela vacina; fatores econômicos como o término do auxílio emergencial e o aumento dos índices de desemprego; e o efeito da aplicação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem).

Enem presencial aumentou incerteza de momentos presenciais
O Enem é uma das principais formas de ingresso no ensino superior do Brasil. Para 63% dos estudantes que realizaram a prova, a experiência presencial afetou negativamente a decisão de se matricular em uma instituição de ensino superior no primeiro semestre de 2021.

Para Daniel Infante, o exame teve um efeito na conversão de novos alunos. “A maneira como a prova foi organizada e o momento no qual a prova aconteceu, no formato em que ela aconteceu, criou mais uma barreira e aumentou a incerteza em relação a momentos presenciais que esse aluno poderia ter”, diz.

O resultado do Enem será divulgado apenas em 29 de março. De acordo com Daniel, esse adiamento faz com que os participantes acabem tomando uma decisão apenas em abril. Esse cenário exige maior adaptabilidade das instituições particulares para pensar em estratégias de captação.

Sobre o levantamento
A pesquisa consultou 1.024 homens e mulheres, de 17 a 50 anos, entre 25 e 30 de janeiro. Os entrevistados participaram de, ao menos, uma das etapas presenciais do Enem e desejam fazer algum curso de graduação presencial ou a distância nos próximos 18 meses. Os dados não contemplam o Enem digital.

Entre os alunos que compareceram às provas, apenas 15,9% planejam se matricular para as aulas que se iniciam no primeiro semestre de 2021. O resultado representa, no mínimo, metade do potencial de entrada dos anos anteriores.


Conteúdo Relacionado

Documentos

Documento: Daniel Infante | Observatório da Educação Superior: análise dos desafios para 2021 (1ª edição)

Data: 09/02/2021

Autor: Daniel Infante

Descrição:

Apresentação feita por Daniel Infante, sócio-fundador da Educa Insightsdurante o seminário virtual “Preparando sua IES para os desafios de 2021: novos tempos, novas técnicas e novas práticas”, realizado em 9 de fevereiro de 2021, pelo YouTube da ABMES.

Download


Documento: Fábio Reis | Preparando sua IES para os desafios de 2021: novos tempos, novas técnicas e novas

Data: 09/02/2021

Autor: Fábio Reis

Descrição:

Apresentação feita por Fábio Reis, presidente do Consórcio Sthem Brasil e diretor de Inovação e Redes de Cooperação do Semesp, durante o seminário virtual “Preparando sua IES para os desafios de 2021: novos tempos, novas técnicas e novas práticas”, realizado em 9 de fevereiro de 2021, pelo YouTube da ABMES.

Download


Documento: Iara de Xavier | Preparando sua IES para os desafios de 2021: novos tempos, novas técnicas e novas práticas

Data: 09/02/2021

Autor: Iara de Xavier

Descrição:

Apresentação feita por Iara de Xavier, consultora especializada na área educacional e assessora da presidência da ABMES, durante o seminário virtual “Preparando sua IES para os desafios de 2021: novos tempos, novas técnicas e novas práticas”, realizado em 9 de fevereiro de 2021, pelo YouTube da ABMES.

Download


Notícias

51% dos alunos querem adiar o início da graduação por conta da pandemia

Número é ainda maior entre os estudantes que preferem o ensino presencial; pesquisa entrevistou mais de mil vestibulandos

Pesquisa mostra que cresceu intenção de adiar início da graduação em escolas particulares

Entre os entrevistados, 25% afirmaram que planejam começar a graduação no primeiro semestre, mas em novembro, o número era de 38%.

38% dos estudantes adiam a universidade por medo da covid-19, diz pesquisa

Pesquisa feita pela Educa Insights, e pela Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior, mostra que a espera vai durar pelo menos 6 meses

Cai o número de estudantes interessados em se matricular no ensino superior

Pandemia de Covid-19 e efeitos econômicos impactaram na decisão de iniciar um curso superior. Para aulas presenciais o resultado foi pior

Com casos de Covid em alta e espera por vacinação, estudantes adiam matrícula no ensino superior, aponta pesquisa

Entre os entrevistados, 25% afirmaram que planejam começar a graduação no primeiro semestre, mas em novembro, o número era de 38%.