Detalhe

Representantes do ensino superior politécnico de Portugal realizam seminários temáticos exclusivos para delegação internacional da ABMES

28/10/2022 | Por: ABMES | 1014

O segundo dia da 4ª Delegação Internacional da ABMES começou com um seminário temático no Instituto Politécnico do Porto (P.Porto), um dos institutos mais importantes de Portugal e a 7ª instituição que mais realiza produção científica no país. Os membros da comitiva da Associação puderam conhecer o modelo de gestão do P.Porto e apresentar suas instituições e projetos.

Ensino superior politécnico em Portugal
Paulo Pereira, presidente do P.Porto, explicou que em Portugal existem duas vias de ensino superior: as universidades e os institutos politécnicos. Cerca de 62% dos estudantes estão nas universidades e 35% nos institutos politécnicos. Segundo ele, os politécnicos têm relações mais intensas com as empresas e estão fortemente ligados ao setor empresarial e governamental. "Temos grandes parcerias com empresas e relações do ponto de vista do desenvolvimento de pesquisa e transferência de conhecimento”, disse.

Em relação à empregabilidade dos alunos, Pereira disse que a taxa é variável. "Nas engenharias, por exemplo, esse número chega a quase 100%. O que acontece em Portugal, como em toda a Europa, é a falta de engenheiros. Há uma grande procura de engenheiros pela Alemanha e por países do norte. E, como os alunos dos politécnicos têm facilidade no inglês, rapidamente uma porcentagem dos diplomados acabam indo para esses países”, explicou.

Dados brasileiros
Celso Niskier, diretor presidente da ABMES, apresentou os números da educação superior do Brasil, ressaltando que dos oito milhões de estudantes do país, aproximadamente 80% (6,7 milhões) estão matriculados em instituições particulares.

“Quando falamos de instituições privadas, estamos falando desde pequenas faculdades filantrópicas do interior, até grandes grupos empresariais, inclusive alguns com ações na bolsa de valores”, contextualizou Niskier. “Estamos falando de uma estrutura muito diversa e rica e a nossa delegação reflete esse cenário. Temos instituições de todos os tipos e, ao todo, estamos representando aproximadamente 900 mil alunos”, acrescentou.

Iara de Xavier, membro do Conselho da Administração da ABMES, falou aos portugueses sobre o sistema de avaliação das instituições brasileiras e também sobre o funcionamento da pós-graduação no país.

Métodos de ensino
Rui Macedo, professor PhD, apresentou o modelo de aprendizagem baseada em projetos (PBL) utilizado na Escola Superior de Saúde (IPP) do P.Porto. “Essa é uma abordagem institucional e curricular centrada no estudante, capacitamos eles para realizarem pesquisas, integrar teoria e prática e aplicar conhecimentos e competência para desenvolver uma solução viável para um problema definido”.

Na mesma linha, José Rocha, reitor da Unichristus, deu o exemplo de como a sua instituição utiliza o PBL nos cursos de Saúde. Segundo ele, é preciso entender que o ensino de modelo tradicional, que é conhecido como um modelo defasado, ainda tem seu espaço em alguns momentos e que é preciso de uma observação assertiva para mesclar os dois modelos e encontrar o que melhor se encaixa.

Além do presidente, representaram o P.Porto no encontro o pró-presidente para a Cooperação e Relações Internacionais, Carlos Ramos; o vice-presidente para o Ensino, Inovação e Cultura, António Marques; e os responsáveis pelo programa Poliempreende, Rafael Pedrosa, e pela Porto Executive Academy, Armando Silva.

CESPU
Na parte da tarde, a delegação visitou o campus da Cooperativa de Ensino Superior Politécnico e Universitário (CESPU), que é focada na área da Saúde. Além de conhecerem métodos e cases da instituição, os gestores brasileiros puderam tirar dúvidas e debater com os palestrantes.

Em seguida, o grupo fez uma visita às instalações dos laboratórios da CESPU e puderam tirar fotos e registrar as instalações locais para aplicarem em suas instituições.

A CESPU chegou ao Brasil em 2022 e já é associada à ABMES. Atualmente a instituição possui sede em Jaboatão dos Guararapes, na Região Metropolitana do Recife. Em processo de credenciamento, a previsão é de que, no primeiro semestre de 2023, os cursos de Enfermagem, Educação Física, Fisioterapia, Odontologia e Psicologia sejam ofertados.

Luis Silva, administrador delegado do grupo CESPU; Miguel Martins, diretor geral do CESPU Europa, e Joaquim Moreira, vice-reitor do Instituto Universitário de Ciências da Saúde (IUCS), foram responsáveis por receber a 4ª Delegação Internacional da ABMES.

Acordos de cooperação
Seguindo o compromisso de estabelecer pontes e facilitar a internacionalização de suas associadas, a ABMES assinou acordos de cooperação com o P.Porto e com a CESPU durante as visitas. O documento servirá como um "guarda-chuva", porém, dentro do acordo, as IES poderão criar termos aditivos individuais para atender a seus interesses específicos.

Portugal Experience
A 4ª Delegação ABMES Internacional - Portugal Experience, que ocorre entre os dias 25 de outubro e 5 de novembro, foi iniciada em Porto e passará por Coimbra, Aveiro e Lisboa. Durante os treze dias, gestores, mantenedores e líderes educacionais estão conhecendo as instituições destaques do país que é um polo de inovação mundial.


Conteúdo Relacionado

Documentos

Notícias

Instituições históricas portuguesas recebem Delegação Internacional da ABMES para seminário e acordos de cooperação

Gestores brasileiros almoçaram em um dos principais prédios históricos da cidade de Lisboa

IPC recebe Associação Brasileira de Instituições de Ensino Superior Privadas

A delegação integra 40 dirigentes de instituições de ensino superior (IES) privadas brasileiras

Gestores educacionais brasileiros são recebidos pela universidade mais inovadora da Europa

Os participantes puderam trocar experiências com a Universidade de Aveiro e ainda conhecer o Parque Tecnológico da instituição

P.PORTO assina acordo de cooperação em visita da ABMES

Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior é a principal entidade representativa da educação superior particular no Brasil

ABMES estabelece acordo de cooperação com maior grupo de ensino superior particular de Portugal

Encontro acadêmico aconteceu nesta quarta-feira, 26/10, em Porto, Portugal, durante a 4ª Delegação Internacional ABMES

ABMES organiza missão de cooperação no ensino superior com Portugal

O grupo irá vivenciar uma verdadeira imersão acadêmica em projetos inovadores desenvolvidos pelas universidades portuguesas

ABMES prepara-se para levar gestores educacionais brasileiros para Portugal

Durante a visita, os participantes irão vivenciar a realidade portuguesa no que se refere à educação, à cultura e às possibilidades de cooperação internacional, além de conhecer melhor o país